22.8.17

[Resenha #1286] Big Rock - Lauren Blakely @FaroEditorial @LaurenBlakely3


Big Rock
Lauren Blakely
ISBN-10: 8562409944
ISBN-13: 978-8562409943
Páginas: 224
Ano: 2017
Editora: Faro Editorial
Idioma: Português
Classificação: 4 estrelas
Compre: Amazon

Sinopse:
“A maioria dos homens não entendem as mulheres.” Spencer Holiday sabe disso. E ele também sabe do que as mulheres gostam. E não pense você que se trata só de mais um playboy conquistador. Tá, ok, ele é um playboy conquistador, mas ele não sacaneia as mulheres, apenas dá aquilo que elas querem, sem mentiras, sem criar falsas expectativas. “A vida é assim, sempre como uma troca, certo?” Quer dizer, a vida ERA assim. Agora que seu pai está envolvido na venda multimilionária dos negócios da família, ele tem de mudar. Spencer precisa largar sua vida de playboy e mulherengo e parecer um empresário de sucesso, recatado, de boa família, sem um passado – ou um presente - comprometedor... Pelo menos durante esse processo. Tentando agradar o futuro comprador da rede de joalherias da família, o antiquado Sr. Offerman, ele fala demais e acaba se envolvendo numa confusão. E agora a sua sócia terá que fingir ser sua noiva, até que esse contrato seja assinado. O problema é que ele nunca olhou para Charlotte dessa maneira – e talvez por isso eles sejam os melhores amigos e sócios. Nunca tinha olhado... Até agora.




Resenha:

Big Rock é definitivamente uma história divertida e sexy. Com personagens marcantes e bem delineados a narrativa é fluída e bem desenvolvida. A autora Lauren Blakely criou um enredo na medida certa, uma história descomplicada, engraçada e muito apaixonante que possui boas doses de sedução e volúpia.
Spencer é completamente impagável. Espirituoso, é um playboy convicto. Dono de atributos inquestionáveis e de uma beleza de arrancar o fôlego, ele adora ressaltar seu esplendor pela narrativa. O homem sabe se enaltecer e a imagem que ele faz de si mesmo é jocosa e bem maliciosa. Sei que muitos o acharão um tanto quanto idiota, gabola ou mesmo presunçoso, mas garanto que o homem é tudo de bom! Inteligente, sarcástico e dono de uma personalidade carismática e muito sedutora, Spencer faz qualquer um se apaixonar por seu lado família e moleque.

“Você deve estar se questionando agora: "Mas qual é o tamanho dele?”. Vamos com calma. Um cavalheiro não revela essas coisas. Eu posso ser mestre na arte de trepar, mas também sou um cavalheiro. Eu abro as portas do seu coração antes de abrir as suas pernas. Eu puxarei a cadeira para você sentar, tirarei seu casaco, pagarei o jantar e a tratarei como uma rainha, na casa e fora dela.”


Charlotte é maravilhosa, ela é inteligente, linda, engraçada, decidida e empoderada. Ela é a melhor amiga de Spencer desde sempre. Eles são sócios e possuem uma cadeia de bares. Na vida, dividem confidências e ajuda mútua.

“O fato é que eu não quero abrir mão do que temos. Com Charlotte eu posso ser simplesmente eu mesmo, e não tenho isso com mais ninguém. Gosto de estar aqui com ela, em uma conversa descontraída.”

Tudo estava indo como de costume, com Spencer pegando geral e vivendo a vida que sempre sonhou.  Mas quando seu pai, dono de uma famosa joalheria, pede para que ele mude seu comportamento de macho-alfa para que ele consiga concretizar a venda de sua loja, Spencer acaba ultrapassando o limite. Para mostrar o pai que está mudado, ele diz que está noivo e apaixonado e que a sortuda que ganhou seu coração foi Charlotte, sua melhor amiga.



Spencer consegue convencer Charlotte a compartilhar da farsa, afinal o que seria uma semana de mentirinha inofensiva, participando de jantares, fingindo para a família, com a imprensa em polvorosa, se seu pai poderia concretizar o negócio e viver o grande sonho de correr o mundo com sua amada esposa? Ele e Charlotte com certeza se sairiam muito bem!


Porém quando eles começam a fingir o relacionamento, regras de amizade que eles estipularam começam a serem quebradas e sentimentos jamais imaginados entram em cena, e o que era pra ser apenas uma pequena encenação começa a tomar força no coração de Spencer.

“Você é a mulher que eu amo. E desde o início desde sempre, você esteve bem diante de mim. Algumas vezes eu sinto que me apaixonei por você em pouquíssimo tempo, em uma semana. Mas outras vezes eu me dou conta de que essa paixão já existia, de que esse amor nasceu ao longo de anos.”

Uma leitura realmente muito gostosa e bem humorada. Se você é um leitor que procura diversão, esse é o seu livro! Tem tudo que você necessita para passar por momentos de leitura, têm risos, muito amor, amizade, família, união e como ninguém é de ferro, cenas picantes da melhor qualidade.


Um comentário

  1. Amor, amizade, família, união e diversão! Acho que vou gostar deste livro tanto quanto gostei da resenha, dicas da hora!

    Acho que este blog faz um trabalho muito bacana, incentivando a literatura, com resenhas muito bem feitas, uma melhor que a outra. Gosto muito de tudo o que leio aqui, e leio tudo com frequência. Toda semana estou acessando o blog pra conferir as novidades.

    Parabéns pelo trabalho. Já virei fã.
    Um abraço, Dieison, Humaitá/RS.

    ResponderExcluir

© BLOG ROTINA AGRIDOCE- TODOS OS DIREITOS RESERVADOS | Design e Programação por MK DESIGNER E LAYOUTS